Hora Brasileira

Polícia desmantela esquema de “mulas” do tráfico internacional em casa na Zona Oeste de SP

Polícia desmantela esquema de “mulas” do tráfico internacional em casa na Zona Oeste de SP

33 pessoas treinadas para engolir drogas seriam enviadas à Europa; aliciador preso
Imagens de exames de raio-x que mostram cápsulas com cocaína dentro dos estômagos de estrangeiros.

Na madrugada desta quinta-feira (23), a Polícia Militar desarticulou um esquema de tráfico internacional de drogas em uma casa localizada na Vila Sônia, Zona Oeste de São Paulo. Um homem de 24 anos foi detido sob a suspeita de aliciar e treinar 33 pessoas para engolir drogas, visando o transporte delas para a Europa. As autoridades foram alertadas por uma denúncia anônima, indicando que o local servia como alojamento para “mulas” do tráfico.

No imóvel, além do aliciador de 24 anos, a polícia encontrou 33 indivíduos em treinamento, todos apresentando atitude suspeita. Durante a operação, foram apreendidos 36 passaportes, aproximadamente mil porções de pasta base de cocaína, anotações do tráfico e cartões bancários. As investigações revelaram que o grupo era composto em sua maioria por pessoas do Nordeste, residentes em São Paulo há cerca de dois meses, dedicando-se a aprender técnicas para dilatar o estômago e engolir entorpecentes.

Os relatos dos moradores indicaram que alguns engoliam até 150 pacotes de drogas para viagens ao exterior, principalmente para países como França, Espanha, Holanda e Irlanda. O homem de 24 anos e os 33 envolvidos foram encaminhados à Polícia Federal. Enquanto o aliciador permanece detido, as demais pessoas foram ouvidas e liberadas.

O esquema ainda está sob investigação, sem informações sobre sua duração. Este caso se junta a outros eventos similares, como a prisão de seis passageiros nigerianos no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, no dia 14 de novembro. Esses estrangeiros foram flagrados com cápsulas de cocaína no estômago, também destinadas ao tráfico internacional.

Contexto e Informações Adicionais

Imagem de um raio-x que mostra cocaína em estômago de estrangeiro.
Raio-x mostra cocaína em estômago de estrangeiro – Foto: Divulgação

O tráfico internacional de drogas é uma realidade que afeta diversas partes do mundo. Segundo relatório de 2021 do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC), a América Latina é responsável por 83% da cocaína apreendida globalmente em 2019. O Brasil, nesse mesmo ano, registrou a apreensão de 104,582 toneladas da substância, sendo considerado um corredor no comércio ilícito de drogas.

O estudo do UNODC também destaca a posição de brasileiros na Europa em casos de autuações e apreensões de drogas entre 2018 e 2020, ficando em terceiro lugar, atrás de peruanos e colombianos. O Brasil é reconhecido como um território de passagem para o tráfico internacional, evidenciando a complexidade desse fenômeno global.

Leia também

Publicidade

Compartilhe

Publicidade

Bem Vindo ao HoraBrasileira

Nosso blog se destaca pela ampla variedade de conteúdos, incluindo política, economia, cultura, entre outros, com contribuições de colaboradores globais. Oferecemos nosso conteúdo em vários idiomas, essencial tanto para brasileiros no exterior quanto para estrangeiros.

Nossa missão é fornecer informações precisas, confiáveis e imparciais, com uma abordagem equilibrada, apesar de nossa orientação política progressista.

Comprometidos em manter a comunidade brasileira no exterior bem informada, garantimos acesso a notícias atualizadas e equilibradas sobre o Brasil e o mundo em diversas plataformas e idiomas.

Se você tem paixão por escrever e algo a dizer, queremos ouvir!

Pular para o conteúdo