Hora Brasileira

Privatização da Sabesp Avança com Aprovação em São Paulo

Privatização da Sabesp Avança com Aprovação em São Paulo

Vereadores de São Paulo autorizam a capital a aderir à privatização da Sabesp, facilitando futuras contratações mesmo após a privatização da empresa.

A Câmara dos Vereadores de São Paulo aprovou, em sessão ocorrida nesta quinta-feira (2), o projeto de lei 163 de 2024, que autoriza a capital paulista a aderir à privatização da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). A medida foi aprovada por 37 votos a favor e 17 contrários, sem abstenções, e agora segue para sanção do prefeito Ricardo Nunes. A votação foi marcada por manifestações tanto de apoio quanto de oposição à privatização.

Contexto Legal:

O projeto de lei modifica a legislação municipal existente, especificamente a lei 14.934 de 2009, que previa a anulação do acordo entre a cidade e a Sabesp caso a empresa fosse privatizada. Com a aprovação da nova lei, São Paulo garante que o serviço de saneamento básico continue a ser fornecido pela nova gestão da Sabesp, mesmo sob controle privado.

Polêmica na Votação:

A segunda votação do projeto gerou controvérsia, com uma decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo inicialmente suspendendo o processo até que todas as audiências públicas fossem realizadas e um estudo de impacto orçamentário fosse concluído. Contudo, a Câmara dos Vereadores informou que ambos os requisitos foram atendidos, permitindo a continuação da votação como planejado.

Avanço na Esfera Estadual:

No nível estadual, o processo de privatização da Sabesp já foi aprovado em dezembro de 2023 e sancionado pelo governador Tarcísio de Freitas. O Estado de São Paulo, que é o acionista majoritário com 50,3% do controle, planeja vender a maior parte de suas ações, mantendo apenas o poder de veto em decisões cruciais. A Sabesp atualmente atende 28 milhões de clientes em 375 municípios do estado.

Leia também

Publicidade

Compartilhe

Publicidade

Bem Vindo ao HoraBrasileira

Nosso blog se destaca pela ampla variedade de conteúdos, incluindo política, economia, cultura, entre outros, com contribuições de colaboradores globais. Oferecemos nosso conteúdo em vários idiomas, essencial tanto para brasileiros no exterior quanto para estrangeiros.

Nossa missão é fornecer informações precisas, confiáveis e imparciais, com uma abordagem equilibrada, apesar de nossa orientação política progressista.

Comprometidos em manter a comunidade brasileira no exterior bem informada, garantimos acesso a notícias atualizadas e equilibradas sobre o Brasil e o mundo em diversas plataformas e idiomas.

Se você tem paixão por escrever e algo a dizer, queremos ouvir!

Pular para o conteúdo