Hora Brasileira

Plataforma do Programa Brasil Mais Produtivo apoia digitalização de micro e pequenas empresas

Plataforma do Programa Brasil Mais Produtivo apoia digitalização de micro e pequenas empresas

Expectativa é receber 200 mil inscrições para cursos e orientações sobre produtividade e transformação digital.
Plataforma do Programa Brasil Mais Produtivo apoia digitalização de micro e pequenas empresas. Expectativa é receber 200 mil inscrições para cursos e orientações sobre produtividade e transformação digital.
Plataforma do Programa Brasil Mais Produtivo apoia digitalização de micro e pequenas empresas. Expectativa é receber 200 mil inscrições para cursos e orientações sobre produtividade e transformação digital.

O governo federal lança plataforma para impulsionar a transformação digital de micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) industriais. A iniciativa faz parte do programa Brasil Mais Produtivo, coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), e visa aprimorar a produção e a competitividade desses empreendimentos no mercado.

A partir desta quarta-feira (31), micro, pequenas e médias empresas industriais têm a oportunidade de se inscrever gratuitamente na nova plataforma do programa Brasil Mais Produtivo. O objetivo é acelerar a produção de maneira eficiente, tornando esses negócios mais competitivos por meio da transformação tecnológica e eficiência energética.

A plataforma, apresentada pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, oferece cursos, materiais e ferramentas sobre produtividade e transformação digital. A expectativa é que 200 mil empresas se inscrevam, recebendo orientações e acompanhamento presencial contínuo até 2027.

Geraldo Alckmin, vice-presidente da República e ministro do MDIC, destaca a importância da nova fase do Brasil Mais Produtivo para a reindustrialização do país. O programa, relançado em novembro de 2023, investirá R$ 2,037 bilhões no desenvolvimento de tecnologias digitais, operado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), em parceria com entidades como Sebrae, Senai, ABDI, Finep e Embrapii.

O presidente do Sebrae, Décio Lima, enfatiza o papel do programa na inclusão das micro e pequenas empresas no contexto da inovação e sustentabilidade. Ele acredita que o Brasil Mais Produtivo estimula esses empreendimentos a saírem da informalidade, garantindo segurança e crescimento.

O programa é dividido em quatro etapas, com duração até 2027. As empresas passarão por uma trilha de aperfeiçoamento, incluindo cursos sobre gestão, inovação, mercado, manufatura enxuta, eficiência energética e transformação digital.

O ministro do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte, Márcio França, destaca que a transformação digital propicia o crescimento dos pequenos negócios, proporcionando oportunidades de expansão.

Dados do Ministério apontam que atualmente, apenas 23,5% das indústrias no país são digitalizadas. A meta é aumentar esse percentual para 90% até 2033, triplicando a participação da produção nacional nos segmentos de novas tecnologias.

Na primeira fase do Brasil Mais Produtivo, em 2017, mais de 150 mil MPEs foram beneficiadas, registrando ganhos médios de 22,7% na produtividade e crescimento de 8% no faturamento. Agora, a expectativa é superar esses números e impulsionar a economia do país através da inovação e eficiência.

Leia também

Publicidade

Compartilhe

Publicidade

Bem Vindo ao HoraBrasileira

Nosso blog se destaca pela ampla variedade de conteúdos, incluindo política, economia, cultura, entre outros, com contribuições de colaboradores globais. Oferecemos nosso conteúdo em vários idiomas, essencial tanto para brasileiros no exterior quanto para estrangeiros.

Nossa missão é fornecer informações precisas, confiáveis e imparciais, com uma abordagem equilibrada, apesar de nossa orientação política progressista.

Comprometidos em manter a comunidade brasileira no exterior bem informada, garantimos acesso a notícias atualizadas e equilibradas sobre o Brasil e o mundo em diversas plataformas e idiomas.

Se você tem paixão por escrever e algo a dizer, queremos ouvir!

Pular para o conteúdo